Viver sem chefe

22 mar 20111 Comentário

Cada vez mais, ouço no meu dia a dia muitas pessoas reclamando da sua situação laboral e financeira: “meu salário é baixo”, “não reconhecem meu esforço”, “não gosto do que eu faço”, “não me dão oportunidades” ou, como não, o famoso “não gosto do meu chefe”. Vejo muitas pessoas angustiadas sem saber como chegaram nessa situação. Depois de anos de esforço, estudo, trabalho duro, sacrifícios para levantar uma família e educar seus filhos, não enxergam um futuro próximo onde possam aproveitar a vida e, simplesmente, serem felizes.

A questão é que poucas pessoas fazem alguma coisa para mudar a situação, umas vezes por não saber o que fazer e outras (muitas) por ficar procurando desculpas ou culpados, o que não resolve muita coisa. Muitos vivem presos nessa roda infinita que supõe um emprego mal pago em relação ao esforço e sacrifícios realizados, dívidas em aumento, brigas em casa, etc. Nos piores casos alguns acordam cada dia sem vontade de ir trabalhar e com a sensação de que o mundo está sendo injusto com eles. Ficam procurando outro emprego com um salário maior, com um chefe mais compreensivo, mais responsabilidade, ou às vezes menos responsabilidade, até perceber que estão igualmente insatisfeitos como antes.

Se você está numa situação parecida tenho uma má noticia: as coisas vão continuar iguais ou, provavelmente, vão piorar para você. A lógica diz que se continuamos fazendo as mesmas coisas continuaremos obtendo os mesmos resultados. E assim, se você continua na mesma linha, ou você aceita que vai ser assim para sempre e deixa de sofrer, ou vai acontecer uma catástrofe numa seqüência mais ou menos assim:

  1. Não gosta do seu trabalho / seu salário é baixo / não valorizam seu esforço (meu chefe é injusto)
  2. Decide que não vale a pena tanto sacrifício e vai começar a trabalhar só “as suas horas” (não vou me esforçar mais pelo meu chefe)
  3. Começa a ver como não convidam você para reuniões importantes (por que meu chefe não me defende?)
  4. Fica mais chateado ainda, e insiste no injusto da sua situação (meu chefe é injusto e vai se ferrar)
  5. As pessoas começam a perguntar se você está bem e a olhar para você com pena (acho que devo falar com meu chefe)
  6. Seu chefe chama você para uma reunião (depois de vários dias sem falar com você) junto com o responsável de RH da empresa (até que enfim meu chefe percebeu que estou insatisfeito)
  7. Você é mandado embora sem entender nada (?????)

Numa segunda versão desta sequência depois do ponto 2 você muda de emprego, possivelmente mais de uma vez, até achar um emprego onde o ponto 3 e seguintes acontecem em cascata. E você fica desempregado. Ou talvez não, e simplesmente fica no ponto 2 eternamente, achando que cada dia é o dia da marmota.

Porém, tenho também uma noticia boa, ótima eu diria: tem coisas que VOCÊ pode fazer para mudar essa situação. E falo isto porque eu mesmo passei por uma situação similar durante vários anos sem perceber a quem estava entregando minha vida e fazendo rico, até descobrir e ter a coragem de enfrentar (entre descobrir e enfrentar passou um tempão!!) o meu verdadeiro desejo: ajudar às pessoas a melhorar suas vidas.

E este é o motivo da abertura deste blog. Com ele espero poder ajudar você a mudar sua vida, com conselhos, idéias e comentários que o ajudem a alcançar a liberdade financeira, ter tempo para você e poder fazer aquilo que você mais gosta (seja o que for), como um verdadeiro empreendedor. Entre outras coisas quero falar e discutir sobre os seguintes pontos sem uma ordem particular:

  1. Quais são as atitudes que diferenciam a um empreendedor, identificá-las e aproveitá-las
  2. Como ter um plano B para conseguir rendas alternativas
  3. Como administrar tuas finanças pessoais
  4. Como saber se um investimento é bom ou ruim para poder obter mais rentabilidade
  5. Como criar tua própria empresa
  6. Levantar ideias de negócio
  7. Como criar, melhorar e difundir tua marca pessoal
  8. Como alcançar sua liberdade financeira e conseguir viver sem chefe

O caminho para atingir a liberdade financeira e viver sem chefe vai ser longo, em ocasiões difícil e espero que muito divertido. Começamos?

Comentários

1 Comentário

  1. vivyane

    Oi Pablo!!
    Interessantissimo seu blog!!
    Gostei da matéria, continue postando pq vou estar acompanhando sempre, pra ver se eu estou seguindo certinho suas dicas!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Junte-se a mais de 1.000 assinantes e receba o melhor conteúdo para investir seu tempo e seu dinheiro

Receba o checklist via e-mail

Receba o checklist via e-mail

Muito obrigado! Você receberá um email de confirmação e depois será redirecionado à página de download.

Share This